Ferroviária goleia o uruguaio Cólon e decide vaga contra Urquiza, da Argentina

01.11.2015
Ferroviária goleia o uruguaio Cólon e decide vaga contra Urquiza, da Argentina

Atuando no Estádio Municipal de Girardota, na região de Medellín, nesse sábado (31), a Ferroviária goleou mais uma vez, ao vencer o Colón, do Uruguai, por 4 a 0, e agora decide a vaga do Grupo B contra a UAI Urquiza, da Argentina A partida acontece nesta segunda-feira (2), às 14h em Girardota. 

O primeiro colocado do grupo avança às semifinais, outra possibilidade é um vaga para o melhor segundo dos três grupos. Com nove gols de saldo, as chances da Ferroviária são altamente positivas.

Sem chances de seguirem adiante, Colón, do Uruguai, e Espuce, do Equador, cumprem tabela na rodada dupla de encerramento da primeira fase, no dia 2 de novembro, às 14h, no Estádio Centenário.

O jogo

Precisando se reabilitar, o Colón foi ao ataque e encontrou uma zaga firme que nada permitiu ao adversário. A Ferroviária valorizou a posse da bola e procurou se livrar da marcação individual com destaques para Paty e Rafaela. Depois da primeira parada para a hidratação, aos 23 minutos, a Ferroviária foi para cima do Colón e, aos 32’, conseguiu um pênalti com a atacante Tabatha sofrendo falta de Mariana Bertoloni. Adriane Nenê bateu na trave direita de Josephina.

Apesar do gol desperdiçado, a pressão grená continuou e Daiane concluiu para as redes no rebote do chute de Tabatha abrindo o placar aos 34’. O Colón não esboçou reação e novamente a Ferroviária marcou, aos 35’, com Barrinha aproveitando uma assistência de Daiane. Aos 45 minutos, Tabatha desviou com um toque sutil, cruzamento da linha de fundo de Barrinha, para fechar o placar em 3 a 0 na primeira etapa.

Rafaela de fora de área marcou o quarto gol no canto esquerdo de Josephina, aos 15’ da segunda etapa. Sob um calor intenso de 39ºC e o placar favorável, a Ferroviária tocou a bola administrando o resultado até o apito final da colombiana Yeimi Martinez.

Decisão

“Respeitamos os adversários e atuamos com seriedade e lealdade e não será diferente contra a Urquiza. Estamos confiantes na conquista da vaga”, relata o técnico Leonardo Mendes.

Ficha Técnica

Ferroviária (BRA) 4 x 0 Colón (URU)

7ª Copa Libertadores Feminina – Colômbia

Estádio Municipal de Girardota – região de Medellín

Data/horário: 31 de outubo e 2015/às 9h (12h de Brasília)     

 

Arbitragem: Yeimei Martinez (Colômbia) auxiliada por Luz, Luz Amalia Ruiz (Colômbia), Nilda Gamarra (Paraguai) e Zulmia Quinonez (Paraguai)

Gols: Daiane, aos 34’, Barrinha, aos 35’, e Tabatha, aos 45’, no primeiro temo. Rafaela, aos 15’, no segundo tempo.

Ferroviária (BRA) – Amanda, Daiane (Isabela), Mimi, Juliana e Barrinha (Nuty); NIcoly, Júlia (Cacau), Paty e Rafaela, Tabatha e Adriane Nenê. Técnico: Leonardo Mendes.

Colón ((URU) – Josephina; Romina Álvares, Paola Kacali, Lorena Gonzalez e Mariana Betolini (Mariana Portolini); Florença Vicente, Cecília, Marina Pion e Silvia Gonzalez, Stefanis Suarez (Edrith Viana) e Loudes Viana (Iemi). Técnica; Fabiana Mangolilio.

Cartão amarelo: Marina Betolini (Colón URU).

Revista Cidade

Publicidade

Brasil