8 de janeiro é o Dia do Fotógrafo: o que é preciso para se destacar na profissão?

30.12.2019
8 de janeiro é o Dia do Fotógrafo: o que é preciso para se destacar na profissão?

Docente do Senac Araraquara dá dicas para quem está interessado em começar a atuar na área de fotografia

O Dia do Fotógrafo ou Dia Nacional da Fotografia é comemorado anualmente em 8 de janeiro e celebra a chegada da primeira câmera fotográfica ao Brasil, que ocorreu em 1840. Após 180 anos, a área se reinventou e hoje conta com muitas novidades. Isso faz com que o mercado exija profissionais capacitados e equipamentos de última geração, como explica Rafael Coelho, docente da área de comunicação e artes do Senac Araraquara.

Para ele, os fotógrafos modernos precisam ter o material adequado, como uma boa máquina fotográfica e aparelhos que auxiliam na estabilização e na iluminação do ambiente, além de conhecerem técnicas históricas e atuais da área. "Aliar criatividade, conhecimentos e efeitos de luz, ângulo e profundidade garante inspiração e imagens com boa qualidade e resolução", destaca.

Rafael também ressalta que o desenvolvimento de um olhar fotográfico é um dos primeiros passos para quem deseja trabalhar no segmento. E para treinar essa percepção, participar de feiras, exposições, workshops, palestras, entre outros eventos, é parte do processo. "Apesar dessa dica ser subjetiva, ela é muito importante, para entender o ambiente e saber o que fica e o que não fica bom em uma foto. É necessário saber a composição e os ângulos certos dos elementos".

Outro ponto importante é a divulgação do trabalho, seja para profissionais que estão começando ou mesmo para quem já está estabelecido no setor. Com a popularização das redes sociais que trabalham cada vez mais com imagens, o fotógrafo pode aproveitar essas plataformas para conquistar clientes por meio delas. "O Instagram e o Pinterest, por exemplo, possuem um amplo apelo visual e são caminhos naturais para a publicação das fotografias. Além disso, o Facebook e o LinkedIn também podem ajudar", explica o docente.         

 

Possibilidades de atuação

Sobre o mundo do trabalho, Rafael explica que existem vários ramos de atuação e possibilidades. "Os nichos de mercado são variados e os tipos de negócios também. Os fotógrafos podem ser contratados por empresas, como um estúdio ou agência de comunicação, ou ainda ser um empresário e gerenciar seu próprio negócio".

Segundo o docente, um profissional de fotografia pode atuar em festas e eventos, registrar ambientes e edifícios para arquitetura externa ou de interiores, além de atuar nos setores de moda, gastronomia, publicidade, decoração, família, paisagens, turismo, entre outras.

"Vale lembrar que o mercado está sempre se reinventando e, diante do aumento da concorrência, é sempre recomendado buscar cursos de capacitação, bem como usar a criatividade para oferecer serviços diferenciados", reforça.

 

Serviço:

Senac Araraquara

Endereço: Rua João Gurgel, 1935 - Carmo - Araraquara/SP

Informações: www.sp.senac.br/araraquara

Revista Cidade

Publicidade