Uma multidão representada por dois atores

28.10.2016
Uma multidão representada por dois atores

Integrante do grupo 5 a Seco, Vinicius Calderoni é o diretor de Arrã, espetáculo de teatro vencedor do Prêmio Shell 2015 de Melhor Autor

O Sesc Araraquara apresenta no próximo sábado (29), o espetáculo de teatro “Arrã”, com a Cia Empório Sortido. O texto e a direção são do jovem Vinicius Calderoni, também integrante da banda 5 a Seco, e no elenco estão atores da nova geração do teatro, Luciana Paes e Thiago Amaral. O espetáculo será no Teatro do Sesc e os ingressos, que vão de R$5 a R$17, estão à venda no Portal e nas bilheterias das unidades.

Na montagem, os dois atores se desdobram em múltiplos personagens, saltando no tempo e no espaço: dos espectadores que assistem um concerto para violoncelo solo pode-se saltar para um casal em seu primeiro encontro na mesa de um bar; de lá, para uma aldeia na África onde uma menina sofre o ritual de mutilação genital caminhando sem escalas para o pronunciamento de um presidente da República; ou ainda, encontrar um garoto que visita pela primeira vez o planetário, e pousar logo a seguir no diálogo entre um homem solitário e o aparelho de GPS de seu carro, entre muitas outras situações.

A dramaturgia investiga os encontros radicais de alteridade e os diferentes papéis que as pessoas assumem perante os outros. O desconhecido pode assumir numa relação interpessoal ora um objeto de desejo, ora de curiosidade, ora de rivalidade, ou ainda de estranhamento. 

Neste espetáculo, Vinicius aprofunda a pesquisa acerca das vozes que povoam nossa cabeça, e que correm em paralelo à dimensão objetiva dos fatos, que já estava apontada em seu primeiro texto “Não Nem Nada”. “Gosto de investigar na minha escrita coisas que não sejam da jurisdição imediata da dramaturgia. Essa noção de que nem sempre o pensamento está no mesmo lugar em que estamos fisicamente, e que isso pode ser material para uma cena: bem, isso me interessa muito.”, finaliza o diretor.

Sobre Vinicius Calderoni 

Com apenas 29 anos, além de cantor, músico e compositor na banda “5 a Seco”, uma das revelações da cena musical paulista, Vinicius Calderoni, em parceria com o também diretor e dramaturgo Rafael Gomes, dirige a Cia. Empório de Teatro Sortido, criada em 2010 como um coletivo de autores-encenadores, trabalhando com elencos diversos.

Em seu repertório como diretor possui os textos “Não nem Nada” (sua estreia como dramaturgo e diretor, indicado ao Prêmio Shell 2014 de Melhor Autor e Melhor Atriz para Renata Gaspar), e “Mas Por Que – A História de Elvis” (escrito em parceria com Rafael Gomes).

A Cia. Empório de Teatro Sortido, desde seu primeiro espetáculo, “Música Para Cortar Os Pulsos”, conheceu amplo reconhecimento com indicações e prêmios prestigiados como o Shell, o APCA, o Questão de Crítica e o Prêmio FITA (RJ). No repertório, além de “Música Para Cortar Os Pulsos”, estão “Gotas D’Agua Sobre Pedras Escaldantes”, “Cambaio - A SECO”, “Um Bonde Chamado Desejo”, dirigidas por Rafael Gomes, e “Não Nem Nada” (escrita e dirigida por Vinícius, co-dirigida por Rafael).

Segundo episódio da trilogia “Placas Tectônicas”, ÃRRÃ é um jogo cênico para uma dupla de atores, e marca a primeira colaboração de Vinicius com Luciana Paes e Thiago Amaral. “Esta trilogia explora uma dimensão lúdica da dramaturgia, como se todos os espetáculos fossem gincanas para atores-jogadores. Não à toa, todas tem números pares de participantes: “Não nem nada” são quatro atores; “Ãrrã” são dois e” Chorume”, o último episódio da trilogia, seis.” comenta Calderoni.

Serviço:

Espetáculo de Teatro “Arrã”

Dia: 29/10, sábado

Horário: 20h

Local: Teatro

Classificação: 12 anos

Ingressos:

R$ 5,00 (Crianças até 12 anos e matriculados no Sesc / Credencial Plena);

R$ 8,50 (aposentado, pessoa com mais de 60 anos, pessoa com deficiência, estudante e servidor da escola pública com comprovante);

R$ 17,00 (Inteira / Credencial Atividades).

Para saber mais acesse: Facebook ou Blog Empório Sortido.

Revista Cidade

Publicidade

Brasil