Documentário sobre a vida da líder do movimento negro, Dona Vilma, será exibido no Sesc

02.07.2018
Documentário sobre a vida da líder do movimento negro, Dona Vilma, será exibido no Sesc

Após exibição haverá um bate-papo com a diretora do documentário, com Aline Lopes, repórter do Cotidiano Periférico, e Claudemir Pereira, representante do Centro de Referência Afro Mestre Jorge

Na telona do Sesc, representatividade. Na próxima terça-feira (3), está em cartaz no cinema do Sesc a exibição do documentário Dona Vilma (2016), dirigido por Vanessa Santos de Oliveira, filha de Dona Vilma. Os ingressos são gratuitos e podem ser retirados no próprio dia, com uma hora de antecedência ao início da sessão. Após exibição, haverá um bate-papo com a diretora do documentário, com Aline Lopes, formada em Letras e repórter do Cotidiano Periférico, e Claudemir Pereira, cientista social e representante do Centro de Referência Afro Mestre Jorge.

No curta, a história de Vilma Santos de Oliveira, também conhecida como Yá Mukumby, passando por sua trajetória pessoal, política e religiosa, com destaque para a participação na instauração do processo de cotas na Universidade Estadual de Londrina. Em agosto de 2013, Yá Mukumby foi assassinada junto com sua mãe e sua neta.

 

Serviço

 

Exibição e bate-papo

Dona Vilma

Dir.: Vanessa Santos de Oliveira |Brasil | 2016 | 30 min.

Dia 3, terça, 20h. Teatro. Classificação 16 anos. Grátis.

Retirada de ingressos 1 hora antes da sessão

Revista Cidade

Publicidade

Brasil