Bate-papo com Ignácio de Loyola Brandão

06.12.2017
Bate-papo com Ignácio de Loyola Brandão

Criado especialmente para a mostra realizada em Araraquara, Zero, do escritor araraquarense Ignácio de Loyola Brandão é a inspiração para o painel artístico e totens que compõem a instalação homônima, atração no Espaço Galeria do Sesc Araraquara.

Publicado na década de 1970 e proibido de circular pelo regime militar, Zero ainda é um dos mais desafiadores romances da literatura brasileira. Em 2016, seu autor foi laureado com o Prêmio Machado de Assis, da Academia Brasileira de Letras, pelo conjunto da obra.

Zero é o ponto de partida para este diálogo com o escritor, nascido em Araraquara em 1936. Autor de mais de quarnta livros de contos, crônicas, biografias, literatura infanto-juvenil e romances, Loyola recebeu em 2016 o Prêmio Machado de Assis, da Academia Brasileira de Letras, pelo conjunto da obra.

E nesta quinta-feira, 7, o Sesc promove um bate papo com Ignácio de Loyola Brandão, que falará sobre sua obra, literatura e muito mais.

Nascido em Araraquara no ano de 1936, Ignácio começou como jornalista no Jornal O Imparcial, indo para São Paulo aos 21 anos, onde continuou a carreira. 

Trabalhou no jornal Última Hora, depois nas revistas Claudia, Realidade, Setenta, Planeta, Ciência e Vida, Lui e Vogue. Atualmente escreve crônicas quinzenais para o jornal O Estado de S. Paulo. 

Publicou mais de 40 livros, entre romances (como os best-sellers Zero, Não Verás País Nenhum e O Anônimo Célebre), contos, crônicas, viagens, infantis, infanto-juvenis e uma peça teatral. Em 2008, ganhou o Prêmio Jabuti Livro do Ano – Ficção, com O Menino que Vendia Palavras.

Em 2011, lançou A Morena da Estação. Publicou Os Olhos Cegos dos Cavalos Loucos (Moderna) em 2014. Seu último lançamento é o livro de crônicas Se For Para Chorar, Que Seja De Alegria, (Global, 2016). Em 2016, conquistou o prêmio Machado de Assis, da Academia Brasileira de Letras, a maior distinção literária do Brasil

 

Serviço:

Bate papo com Ignácio de Loyola Brandão

Data: Dia 7, quinta

Horário: 20hs

Área de Leitura. Grátis.

Revista Cidade

Publicidade

Brasil