Santa Clara Agrociência anuncia Conferência Internacional em Ribeirão Preto e inauguração de fábrica em Jaboticabal

12.06.2018
Santa Clara Agrociência anuncia Conferência Internacional em Ribeirão Preto e inauguração de fábrica em Jaboticabal

4ª Conferência deverá reunir 200 participantes para debater inovação tecnológica em nutrição vegetal e será realizada de 18 a 20 de junho, em Ribeirão Preto

Santa Clara Agrociência, empresa líder em inovação tecnológica na área de nutrição vegetal, promoverá, de 18 a 20 de junho, em Ribeirão Preto/SP, a 4ª Conferência Internacional. Voltada a agrônomos, consultores e técnicos com poder de decisão na compra de insumos pelo produtor agrícola, a conferência deve reunir cerca de 200 pessoas, vindas de todas as regiões do país, e seu objetivo é disseminar conhecimento, alinhar uma visão sobre as principais tendências tecnológicas futuras do segmento de fertilizantes especiais, tendo como principal meta melhorar a produtividade do agricultor. O anúncio foi feito pelo diretor executivo da Santa Clara, João Pedro Cury, durante coletiva de imprensa promovida em Ribeirão Preto nesta segunda-feira (11).

Considerado um dos eventos mais importantes do segmento de nutrição vegetal promovidos no país, a edição deste ano terá um atrativo adicional: no dia 20, os convidados da Conferência terão a oportunidade de participar da inauguração oficial da nova fábrica que a Santa Clara construiu em Jaboticabal, interior de São Paulo. Com área total de 4.200 m2, que exigiu investimentos totais da ordem de R$ 7,5 milhões, a nova unidade é dotada dos equipamentos mais sofisticados existentes no mundo para processamento de insumos de nutrição e proteção vegetal.

A partir da entrada em operação da nova planta, a empresa estima ampliar sua capacidade produtiva dos atuais 2,5 milhões de kg/litros de insumos, para algo na casa dos 26,9 milhões de kg/litros por ano. “Em função desse expressivo aumento previsto para a produção, o sistema de armazenamento concebido para a nova unidade teve como princípio básico a máxima eficiência nas várias etapas do processo produtivo. Na prática, isso significa que será possível armazenar uma quantia de produtos 5 vezes superior ao sistema convencional, pois o design interno da área de processamento será verticalizado, com a utilização de paletização e movimentação de cargas praticamente todo automatizado, conferindo maior racionalização, segurança e agilidade no armazenamento e na expedição dos produtos”, informou Cury.

A edição deste ano da Conferência da Santa Clara contará com a presença dos mais renomados pesquisadores e acadêmicos das várias áreas das ciências agrárias. Dentre os participantes estarão o professor Paulo Sentelhas, da Esalq – Escola Superior de Agricultura Luiz de Queiroz, de Piracicaba-SP, e o professor Claudio Pagotto, da Universidade de Viçosa-MG. Outra novidade neste ano é a realização, no dia 18, de um Fórum Técnico voltado especificamente para detalhar aos técnicos e agrônomos as soluções inovadoras que a empresa vem desenvolvendo.

Entre as diversas palestras que abordarão os principais temas da agricultura na atualidade serão destacados dois tópicos: o uso de nanotecnologia na fabricação de insumos que asseguram maior eficiência na aplicação e consequentemente, reflexo positivo na produtividade do produtor; além da apresentação de uma solução que protege as plantas do excesso de sol, que possibilita atenuar os efeitos do estresse climáticos, favorecendo também maior produtividade de diversas culturas. Na sequência, os principais temas que serão abordados na Conferência: 

 

Programação:

18 de junho (FÓRUM TÉCNICO)

 

História e Legado da Santa Clara Agrociência

Engenheiro Agrônomo João Pedro Cury

 

Impacto do Estresse no Metabolismo e Produtividade das Culturas

Prof. Dr. Claudio Pagotto Ronchi (UFV – Universidade Federal de Viçosa-MG)

 

Métodos de Controle Natural de Nematóides

Prof. Dr. Jaime Maia dos Santos (Faculdade de Ciências Agrárias e Veterinárias - UNESP Jaboticabal)

 

Futuro do Agronegócio e Ações Estratégicas às Empresas

Prof. Dr. Marcos Fava Neves (FEA - Faculdade de Economia e Administração - USP)

 

Interação Sanidade e Nutrição no Desenvolvimento das Plantas

Dr. Ricardo Balardin (UFSM – Universidade Federal de Santa Maria-RS)

 

Novos Rumos da Agricultura Brasileira e Mundial

Prof. Dr. Godofredo Cesar Vitti (ESALQ – Escola Superior de Agricultura Luiz de Queiroz – Piracicaba-SP)

 

Mudanças Climáticas e seus Impactos na Agricultura

Prof. Dr. Paulo Sentelhas (ESALQ – Escola Superior de Agricultura Luiz de Queiroz – Piracicaba-SP)

  

19 de junho (4ª CONFERÊNCIA INTERNACIONAL)

- História e Legado da Santa Clara Agrociência

- Projeções e Estratégias de Crescimento

- Mudanças Climáticas e seu Impacto na Agricultura

- Proteção Solar e Redução do Estresse Climático

- Novos Rumos da Agricultura Brasileira e Mundial

- Patentes e Tecnologia na Utilização de Enxofre (S) na Agricultura

- Nova Geração de Óleo Natural e sua Eficiência no Controle de Insetos Agrícolas

- Métodos de Controle Natural de Nematóides

  

20 de junho (4ª CONFERÊNCIA INTERNACIONAL)

- Manejo de Plantas Daninhas Resistentes a Herbicidas

- Práticas Fitossanitárias Inovadoras no Controle de Doenças Agrícolas

- Inovações Tecnológicas e Novos Conceitos de Fertilização do Solo

- Novas Tecnologias de Fertilizantes Nitrogenados de Liberação Gradual

- Patente Verde e Manejo Sustentável de Formigas Cortadeiras]

- Visita à Unidade Industrial de Jaboticabal (INAUGURAÇÃO OFICIAL DA NOVA FÁBRICA)

- Encerramento

 

Serviço:

4ª Conferência Internacional Santa Clara Agrociência

Data: 18 a 20 de junho de 2018

Local: Hotel JP – Rodovia Anhanguera km 306,5 – Ribeirão Preto/SP

 

Perfil Santa Clara Agrociência:

Fundada oficialmente em 1997, mas com uma bagagem de mais de 50 anos de experiência acumulada pelos seus idealizadores, a Santa Clara Agrociência é uma empresa líder em inovação tecnológica na área de nutrição e proteção vegetal no Brasil. Seu objetivo principal é contribuir com soluções inovadoras de qualidade na pesquisa, desenvolvimento, produção e distribuição de insumos que auxiliem no ganho de produtividade do agricultor brasileiro. Com fábricas em Jaboticabal-SP e Cravinhos-SP, além da sede administrativa em Ribeirão Preto, atualmente lidera um grupo de empresas que, além da Santa Clara, inclui: a CCA, voltada à produção de insumos para produtos de proteção vegetal; a Hidromol, destinada a fabricação para terceiros; e a Brazilian Seeds, focada na produção de sementes. O grupo emprega hoje 140 profissionais (considerando funcionários e promotores de venda), investe 5,3% de sua receita anual em P&D, exporta para 30 países, possui registradas 5 patentes de alta tecnologia na área e disponibiliza insumos avançados para todas as principais culturas do país.

Revista Cidade

Publicidade

Brasil