Rivalidade, grandes duelos e superações encerram a programação do projeto Imagens e Movimentos

24.02.2018
Rivalidade, grandes duelos e superações encerram a programação do projeto Imagens e Movimentos

O projeto Imagens e Movimentos idealizado pelo Sesc Araraquara no mês de fevereiro transformou a sala de cinema ora em piscina, ora em ringue, e agora também fará dela pista e campo para receber as duas produções que encerram este recorte tão próximo dos esportes.

Nos próximo dias os filmes Paratodos (2016) e Aspirantes (2015) abordam o esporte paralímpico brasileiro e a representação do futebol na vida de tantos garotos da periferia.

Do diretor Marcelo Mesquita, o documentário brasileiro Paratodos levanta o debate sobre a inclusão ao retratar a trajetória, a vida e os desafios de alguns atletas paralímpicos que fazem parte das delegações brasileiras de natação, atletismo, canoagem e futebol. O dia-a-dia, a superação, os obstáculos, as alegrias, as tristezas desses atletas são objeto do documentário, que também debate a inclusão dos deficientes físicos na sociedade brasileira em geral.

E Aspirantes, primeiro longa do diretor Ives Rosenfeld, fala sobre o futebol, mas mais que isso, aborda o drama psicológico de Júnior, um jovem jogador de uma equipe amadora de futebol em Saquarema, que precisa lidar com a inesperada gravidez da namorada, enquanto seu melhor amigo está prestes a ser contratado por um time profissional.

 

Paratodos

Dir.: Marcelo Mesquita

Brasil | 2016 | 110 min

Dia 25, domingo, 14h. Teatro. Classificação 10 anos.

Retirada de ingressos 1 hora antes do início da sessão.

 

Aspirantes

Dir.: Ives Rosenfeld

Brasil | 2015 |75 min. 

Dia 27, terça, 20h. Teatro. Classificação 12 anos.

Retirada de ingressos 1 hora antes do início da sessão.

Revista Cidade

Publicidade

Brasil