Em videoconferência com secretário Nacional de Habitação, prefeito de Araraquara propõe parceria em projeto de moradia popular

02.04.2020
Em videoconferência com secretário Nacional de Habitação, prefeito de Araraquara propõe parceria em projeto de moradia popular

Em uma videoconferência realizada na manhã desta quinta-feira (2), o prefeito Edinho Silva propôs ao Secretário Nacional de Habitação do Ministério do Desenvolvimento Regional, Alfredo Eduardo dos Santos, uma parceria da Prefeitura de Araraquara com o Governo Federal, visando a elaboração de projetos de moradia popular.

Edinho acredita que, além do combate ao déficit habitacional, o projeto pode gerar empregos neste momento de instabilidade econômica

"O objetivo do diálogo foi pedir para que o Governo Federal elabore um projeto de moradia popular, em parceria com os municípios. Isso ajudaria no combate ao déficit habitacional e, nesse momento, seria muito importante no combate à depressão econômica que se avizinha", explicou.

De acordo com ele, a construção civil é o setor que melhor responde diante de uma crise econômica. "No momento em que uma casa começa a ser construída, já se contrata serventes, pedreiros, depois encanador, marceneiro. Portanto, a resposta ao emprego é rápida", destaca o prefeito.  

"E essa casa, para ser construída, também vai estimular toda a cadeira produtiva da construção civil, porque o material de construção precisa ser produzido", acrescenta Edinho, que durante a conversa enfatizou ao Secretário a necessidade desse programa, não só para o combate ao déficit habitacional, mas também com o objetivo de geração de empregos, colocando a Prefeitura de Araraquara como parceira da iniciativa.

Também participaram da videoconferência o ex- superintendente da Caixa, Dermeval Prado Junior, a secretária municipal de Desenvolvimento Urbano, Sálua Kairuz, e a coordenadora de Habitação, Mara Gomes.

Santos ouviu a proposta e informou que várias medidas estão sendo elaboradas pela Secretaria Nacional de Habitação. Ele adiantou que a Caixa já está estudando a possibilidade de um projeto de construção de moradia popular que teria as prefeituras como parceiras, além das empresas privadas, e disse que, em breve, fará o anúncio dessas iniciativas.

 

Revista Cidade

Publicidade