Barbieri não será vice de Skaf. Empresário confirmou a tenente-coronel da Polícia Militar Carla Danielle Basson para a vaga

24.07.2018
Barbieri não será vice de Skaf. Empresário confirmou a tenente-coronel da Polícia Militar Carla Danielle Basson para a vaga

O pré-candidato do MDB ao governo de São Paulo, Paulo Skaf, escolheu a tenente-coronel da Polícia Militar Carla Danielle Basson, de 46 anos, como candidata a vice em sua chapa.

Em junho passado o ex-prefeito de Araraquara, Marcelo Barbieri foi apontado como possível nome para dobrar como vice na chapa do empresário. Consultado, nem Skaf e nem sua assessoria confirmou, mas informações dando conta do desligamento de Barbieri de suas funções em Brasília aumentou os comentários de bastidores sobre a possibilidade. A notícia divulgada na tarde dessa segunda-feira, no entanto, enterrou as chances do ex-prefeito.

"A gente quer ter diversidade. E ter uma chapa com a presença de uma mulher que não tem histórico de atuação na política. E, por ser policial militar, comandante da PM, agrega um valor que a gente quer mostrar para o eleitor, que é o compromisso com o espírito público", disse Skaf ao Valor Econômico.

Desde maio, Carla é a comandante do 11º Batalhão de Polícia Militar (BPM) do interior, responsável pelos municípios de Jundiaí, Itupeva e Cabreúva. No entanto, ela terá de se afastar da função de comando para poder concorrer ao Palácio dos Bandeirantes.

De acordo com pesquisa Ibope divulgada em 29 de junho, Skaf e o ex-prefeito de São Paulo João Doria (PSDB) estão tecnicamente empatados na disputa pelo governo paulista. Skaf teve 17% das intenções de voto, contra 19% de Doria. O levantamento apontou, entretanto, que quase metade dos entrevistados (47%) ainda não sabe em quem votar, pretende anular o voto ou votar em branco.

Revista Cidade

Publicidade

Brasil