Projeto propõe conhecimento e preservação das pegadas jurássicas de Araraquara

22.11.2019
Projeto propõe conhecimento e preservação das pegadas jurássicas de Araraquara

Inscrições gratuitas estão abertas no MAPA; encontro no sábado terá saída da Praça da Igreja da Matriz de São Bento

 Neste sábado, 23 de novembro, será realizada a 6ª edição do projeto "As pegadas da minha rua", com concentração na praça da Igreja Matriz de São Bento, seguindo pelas ruas ao redor, a partir das 10 horas. As inscrições já podem ser realizadas.

Aberta para todas as idades, a atividade é essencialmente interativa e coletiva, consistindo na realização de um percurso orientado e coleta de dados sobre o estado de conservação das pegadas de dinossauros, mamíferos e rastros de invertebrados presentes nas calçadas de arenito de Araraquara, com aproximadamente 135 milhões de anos.

Os participantes recebem kits para observação e registro das pegadas e conversam sobre quais foram os animais que passaram pela cidade, suas características e em que ambiente viviam.

A atividade será desenvolvida pelas integrantes do GEMP (Grupo de Estudos em Museologia e Patrimônio) da Fundação Araporã, a partir do Programa de Capacitação Técnica e Curadoria de Acervos Musealizados, realizado pela Fundação Araporã em parceria com o MAPA. Participam: a coordenadora do GEMP, Drª Josiane Kunzler; e as cientistas sociais e Mestras, Débora de Souza Simões e Natália Carvalho de Oliveira.

O projeto, desde junho desse ano, realizou cinco edições, totalizando 67 pessoas participantes entre crianças, jovens e adultos. Esta seria a última edição, mas atendendo a pedidos, no próximo janeiro uma edição especial de férias será realizada.

Desenvolvido e executado pela Fundação Araporã, em parceria com o Museu de Arqueologia e Paleontologia de Araraquara (MAPA), "As pegadas da minha rua" se baseia em um levantamento feito em 2008, pelo paleontólogo Dr. Heitor R. Francischini, com orientação do Prof. Dr. Marcelo A. Fernandes, que identificou 585 icnofósseis nas calçadas da cidade. Até agora 208 endereços com ocorrências fossilíferas já foram visitados, dos quais 46 com alto potencial científico não existem mais.

As inscrições para a atividade "As pegadas da minha rua" devem ser feitas com antecedência no MAPA, presencialmente ou pelo telefone. O horário de atendimento e visitação do museu é: de segunda a sexta-feira, das 9h15 às 17h e, aos sábados, das 9h30 às 11h45. O fone de contato é o (16) 3332-4933. O Museu de Arqueologia e Paleontologia de Araraquara está localizado na Rua Voluntários da Pátria, esquina da Avenida Portugal, na região central.

 

Serviço:

"As pegadas da minha rua"

Dia: sábado (23 de novembro)

Horário: 10 horas

Local/ponto de encontro: Praça da Matriz (em frente à entrada da Igreja Matriz de São Bento)

Inscrições no MAPA: Rua Voluntários da Pátria (rua 5), nº 1485 - Telefone: (16) 3332-4933

 Grátis

Revista Cidade

Publicidade