Fantasma das ações do INSS assombra Araraquara

15.03.2017
Fantasma das ações do INSS assombra Araraquara

Rombo do INSS estaria em R$ 150 milhões, mais uma multa de R$ 60 milhões que a Prefeitura recebeu recentemente

A situação da Prefeitura no caso das ações do INSS ainda é grave, e caso o município venha a ser condenado o rombo pode representar cerca de um terço do orçamento municipal de um ano inteiro, o que, na prática, inviabiliza a administração. 

A dívida, apenas para se ter uma ideia, estaria na casa de R$ 150 milhões, isso, sem falar de uma multa de R$ 60 milhões que o município recebeu recentemente sobre o mesmo motivo. "A Prefeitura recorreu", disse Edinho, que prestou as informações durante entrevista de prestação de contas realizada no 6º andar no Paço.

O prefeito confessou durante a coletiva que "torce muito" para que o escritório de advocacia - contratado pela administração anterior apenas para tratar do caso - obtenha sucesso na empreitada, mas destacou que não será fácil. "Fui informado que podemos conseguir êxito em um parte da ação, mas não em toda ela", afirmou. 

Edinho não quis falar em valores, mas resumiu o quão grave será o problema caso nada mude e a condenação venha (com os valores atuais) com uma só frase: "É entregar a chave!" (da Prefeitura).

Revista Cidade

Publicidade

Brasil